Criado na década de 80, o Coral Infantojuvenil Palácio das Artes integra-se na Fundação Clóvis Salgado como um projeto de formação ligado à gerência de Coros, vinculada ao Centro de Formação Artística e Tecnológica – Cefart e constitui-se como uma importante ação de estímulo à formação de jovens cantores.

Voltado para a divulgação do canto coral, o grupo apresenta um repertório de obras representativas de diversas fases da história da música vocal, da renascença ao moderno, da música erudita à música folclórica e popular, em vários idiomas e estilos. Além de realizar apresentações em espaços públicos de Belo Horizonte e cidades do interior do estado, o Coral atua em concertos com Orquestra Filarmônica de Minas Gerais e em montagens com os corpos artísticos da Fundação Clóvis Salgado, a Orquestra Sinfônica de Minas Gerais e o Coral Lírico de Minas Gerais, tanto em concertos quanto nas temporadas de ópera.

O Coral Infantojuvenil Palácio das Arte é formado por jovens cantores, com faixa etária entre oito e 16 anos e exerce um importante papel para a descoberta de talentos para o canto coral. Vários cantores que iniciaram sua trajetória musical no Coral Infantojuvenil integram, atualmente, o Coral Lírico de Minas Gerais e outros grupos profissionais do Brasil e exterior.

A Fundação Clóvis Salgado é responsável por disponibilizar toda a infraestrutura para a manutenção do grupo e propicia condições para a formação artística dos jovens cantores, investindo no apuro técnico, na experimentação e na sua valorização e divulgação junto ao público Seus integrantes participam de quatro horas de aulas/ensaios semanais, sendo um ensaio de naipe e um ensaio coletivo, ambos com duas horas de duração.

Regente Titular – Lara Tanaka

Banner Rodapé Unimed
Banner Rodapé Vivo
Banner Rodapé Globo Minas